Redescobrindo prazeres. O que te faz sorrir?

Redescobrindo prazeres. O que te faz sorrir?
Ofertas de Produtos Naturais é na Natue!

Voltei!

Fiz uma pausa em mim mesma. Mas, voltei do mergulho que fiz.

Vou redescobrindo, aos poucos, o prazer em escrever aqui no blog, experimentar e compartilhar experiências.

Vocês já fizeram uma pausa? Sério, como se deixassem de ser vocês mesmas por um breve intervalo? Eu fiz.

Neste espaço de tempo eu fiz dieta (que não recomendo para ninguém), viajei a trabalho e também para comemorar o casamento de um amigo do meu noivo. Conheci lugares e pessoas novas, tive ótimas experiências e outras nem tão agradáveis assim. Fui do céu ao inferno algumas vezes emocionalmente e me encantei e desencantei por gente, coisas e situações.

Ah, minha mãe passou por uma cirurgia de retirada de vesícula, de urgência, claro! Agora sou expert no assunto. Quem quiser, pode até perguntar sobre… rs.

E neste ínterim eu fui me ausentando, me afastando de mim, vivenciando conflitos, derrotas, tristezas e mergulhando na loucura dos outros e talvez na minha própria.

Romper com a ilusão de que o ruim estava “bom” não foi fácil, mas não sou de ficar remoendo nada. Detesto apego, e, portanto, vislumbrei o momento do salto!

Vire a página, querida! Era uma ordem! Uma ordem que me fiz e obedeci.

O próximo passo foi me olhar. Como me via no espelho? Como me via profissionalmente? Com a minha família? Com o meu par? Como via os meus sentimentos e os sentimentos do outro?

Sempre me cobrei muito, mas comecei a enxergar o limite entre o que posso ou não controlar. A maturidade é a chave (tenha a idade que for) para admitir erros, refazer o que puder, superar aquilo que não pode mudar e vislumbrar soluções e caminhos diferentes diante das adversidades.

Redescobrindo prazeres: Seja positivo!

Outra coisa: Seja positivo! Nada de derrotismo. Pensamento tem força! Sempre acreditei nisso. Às vezes, temos que nos convencer de que está tudo bem para superarmos os nossos dramas.

Feito isso, vou organizando a minha casa mental e emocional.

Já o corpinho cobra o preço das várias voltas na montanha russa.

Neste momento escrevo com dois sisos a menos e alguns pontos na boca. Gente, que sufoco passei com um dos sisos nascendo. Tive que procurar com urgência um dentista. Também estou expert no assunto. Quem quiser, já sabe. :)

A hérnia começou a gritar de novo e tive que sair do Pilates (acreditem). Agora, estou tratando com uma fisiatra homeopata. Quem for do Rio, eu indico.

Unhas quebradiças, alergia querendo voltar, mas o mais presente é o cabelo caindo.

Já falei que sou uma pessoa de 30 num corpinho de 80…rsrs. Vamos mudar isso!

Meus cabelos estão realmente caindo aos tufos e diminuiu muito o volume. Atribuo isso ao estresse que vivenciei.

Enfim… Vou mudar completamente o visual.

Esse é um dos meus prazeres! Mudar! (Re)Descobrir!

Adoro poder olhar para o espelho e ver um cabelo novo, uma cor diferente e um sorriso recém-nascido.

Ah! Que prazer!

Também é um prazer admitir algo do tipo: “Fulano não é aquilo que imaginei. Fulano é muito melhor! Agora somos amigos.” Bom mudar de opinião assim! Dou-me ao direito!

É um prazer não julgar! É um prazer saber que vão me julgar, mas que eu escolherei qual julgamento me atingirá. Essa plenitude de consciência é um prazer.

Ir ao parque fotografar, ir a uma praia e não nadar, conversar com os amigos, olhar a minha mãe assistir a TV, olhar pela janela do ônibus as casas e imaginar quem vive dentro, planejar coisas novas, checar as curtidas daquela foto no face, amar e deixar que me amem são pequenos (enormes) prazeres que me alegram e curam.

O que te faz sorrir, hein?

O que te dá prazer?

Compartilhe aqui as suas experiências e seja feliz! <3


Mais dicas de cabelos:

Redescobrindo prazeres. O que te faz sorrir? 5.00/5 (100.00%) 5 votes

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

(Spamcheck Enabled)